CR2

Avante renegados, beleza?
Como todos sabem, está rolando, em Los Angeles, a Expo de Entretenimento Eletrônico 2013, mais conhecida como E3. O evento é famoso por reunir novidades, lançamentos e tendências do mercado de jogos eletrônicos e está causando um certo fuzuê nas mídias sociais.

Este ano tivemos dois grandes consoles lançados durante a conferência e, quando isso acontece, meu amigo… o bicho pega! Tudo vira um campo de batalha!
Bem, vou fazer um pequeno resumo do que aconteceu:

MICROSOFT

xbox-one-43
Xbox One

A Microsoft entrou no palco com o fantasma do anúncio do que parece ser o console mais odiado pela comunidade gamer. O requerimento de conexão com internet, o bloqueio de jogos usados e a falta de foco em jogos deixada pelo lançamento do Xbox One, em abril, jogou lá embaixo as expectativas do público e a promessa foi de que a E3 seria totalmente voltada para os jogos.

Bem, a conferência começou com um trailer/gameplay de Metal Gear Solid V: The Phantom Pain. Este é um dos jogos mais aguardados do ano e, realmente, foi ótimo vê-lo.

Sem explicar muito sobre o jogo, a Microsoft seguiu a apresentação mostrando um Xbox 360 com um novo design, bem parecido com o Xbox One. Anunciaram também que, a partir do dia 1 de julho até a data de lançamento oficial do Xbox One, todos os usuários com uma conta de Xbox Live Gold ganharão dois jogos totalmente Free por mês então, até novembro, todos ganharão de 8 a 10 jogos na faixa.
Depois, eles anunciaram que World of Tanks, Max: The Curse Of Brotherhood e Dark Souls 2 viriam para o X360, deixando claro que o console não será esquecido.

E aí começou o que todos queriam ver: os comentários sobre o XOne.
Disseram que a Xbox Live Gold será compartilhada com até 10 perfis diferentes para cada console e podem ser usadas em consoles diferentes também.
Falaram sobre o recurso Smart Match, que consiste, basicamente, em você programar a busca por uma partida online de determinado jogo e, enquanto ele procura, você pode jogar outra coisa.
O console custará $500 nos Estados Unidos e R$ 2.000 no mercado tupiniquim.

 

SONY

PlayStation4-FeaturedImage
PS4

A Sony abriu a conferência falando sobre o PS Vita. Falaram sobre os 11 jogos que serão lançados para o console portátil. São eles: Batman: Arkham Origins, CounterSpy, Destiny Of Spirits, Doki Doki Universe, Killzone Mercenary, Tearaway, God of War 1 & 2 HD, Final Fantasy X & X-2 HD, Flower, Dead Nation e The Walking Dead: 400 Days. Não mostraram trailers e mudaram o papo rapidamente.
Assim como a Microsoft, falaram também da geração passada: o PS3. Mostraram alguns jogos que serão lançados para o console, entre eles: The Last Of Us, Puppeteer, Rain, Beyond: Two Souls, Gran Turismo 6, GTA 5, Diablo III e Batman Arkham Origins mas, ao contrário do portátil, desta vez mostraram trailers de todos os jogos anunciados além da promessa de conteúdos exclusivos para eles.

E então, o grande momento chega: finalmente mostraram o PS4! O mundo todo estava sedento para ver o console desde fevereiro, então as expectativas subiram no teto.

[Eu, particularmente, não achei nenhum console bonito mas isso vai de cada usuário, certo?]

A empresa anuncia também que o a máquina virá com apps, assim como o PS3, demonstrando que o foco continuará na comunidade gamer.
Mas, como nem tudo no mar são rosas, a empresa também anunciou que as partidas online serão pagas. O usuário terá que obter uma conta PSN+.
Por fim, anunciaram que o console custará $400 nos Estados Unidos e está fazendo mimimi mistérios sobre o preço no Brasil.

NINTENDO

Nintendo_Wii-U_Premium_01
Nintendo Wii U

A Nintendo é a única da E3 a estar na oitava (repito: OITAVA!!) geração de consoles no mercado. Mas, com praticamente todas as atenções voltadas pra briga da Sony com a Microsoft, a fabricante tinha que fazer milagres para chamar atenção para o WiiU e a escolha de apresentação foi um tanto quanto… fria.
A apresentação japonesa foi uma video conferência, que mais parecia com um jornalista lendo os pontos que passam no teleprompter.
Além dos jogos principais, também mostraram um trailer com: AC4: Black Flag, Batman Arkham Origins, Deus Ex: Human Revolution, Disney Infinity, Just Dance 2014, Rayman Legends, Scribblenauts Unmasked: A DC Comics Adventure, Disney’s Planes, Shin Megami Tensei IV, Skylanders Swap Force, Splinter Cell: Blacklist, Sonic lost World, Watch Dogs, Ballpoint Universe, Cloudberry Kingdom, Coaster Crazy Deluxe, DuckTales Remastered, Dungeons & Dragons: Chronicles of Mystara, Mutant Mudds Deluxe, Oddworld: New & Tasty, Scram Kitty & His Buddy On Rails, Shovel Knight, Spin The Bottle: Bumpie’s Party, e A World Of Keflings. Todos mostrados muito rápido.

CONSIDERAÇÕES
Em um determinado momento da conferência, a Sony pausou os anúncios de jogos para mandar um ataque à Microsoft, dizendo que o PS4 não vai exigir conexão com internet para nada além de jogos online e outros serviços, que não colocará restrição para jogos usados/emprestados/alugados/compartilhados/roubados/oraioqueoparta e, como se não bastasse, disse que tal feito era anticonsumo.
Deixaram bem claro que estavam protegendo o consumidor e, com isso, mandaram uma voadora bem no peito da Microsoft.
Por mais que eu goste de ver certos movimentos entre concorrentes, não achei que a Sony mandaria um soco na cara tão direto como aconteceu durante a E3. Foi, de longe, o ponto alto do evento, tanto que foram aplaudidos por um loooooongo momento. Não é a toa que as conferências rolaram em uma arena (Los Angeles Memorial Sports Arena).

Mas será que tudo isso foi realmente necessário?
Vamos considerar o fato que de que não somos um público sedento por sangue de uma luta estilo romana. Não ganharemos nada fomentando uma briga das duas fábricas.
Na verdade, as duas entidades são muito grandes para cair então eu peço, por favor, parem de atacar uns aos outros nas redes sociais!
Nem a Sony, nem a Microsoft, nem a Nintendo querem perder o ~grande prêmio~ (seja ele qual for) e isso realmente cria um espírito de competição ~saudável~.
E assim ficaremos eternamente no lá e de volta outra vez.

Em uma discussão entre alguns renegados, cheguei à conclusão de que muitos acabarão adquirindo os dois sistemas. Então, abigos, abores, paixões e tesouros, vamos tentar não pensar em ganhadores ou perdedores. As duas companhias tem muito a oferecer. Algumas boas. Algumas ruins. Vamos ler e ponderar antes de sair compartilhando besteiras na internet, ok?

E vocês, nobres renegados? O que acharam das conferências? Quais as impressões que tiveram?

Ass_Miho@miho_renegados