SR #97 | TIM MAIA

Filme visto em: 04 de Novembro de 2014 | UCI JARDIM SUL

SINOPSE

Cinebiografia do cantor Tim Maia, baseada no livro “Vale Tudo – O Som e a Fúria de Tim Maia”. O filme percorre cinquenta anos na vida do artista, desde a sua infância no Rio de Janeiro até a sua morte, aos 55 anos de idade, incluindo a passagem pelos Estados Unidos, onde o cantor descobre novos estilos musicais e é preso por roubo e posse de drogas.

SR97BCRÍTICA RENEGADA

Fala Galera! Blz?! Tim Maia sempre foi conhecido por ser uma figura peculiar. Eu sempre lembro das histórias sobre ele que a minha mãe contava e vendo o filme realmente confirmei muitas delas. Por mais birrento e explosivo fosse nosso homenageado da vez, o filme é muito bom e te leva ao tempos do pequeno Sebastião, e toda suas aventuras e e desventuras, suas conquistas e perrengues, pessoas, não tem como falar muito. Mas é incrível que você nem sente o tempo passar, e as duas horas e pouco passam voando, e o filme ainda fica com gostinho de quero mais. Uma coisa que é bacana também que temos que comentar é que o filme é totalmente narrado pelo amigo do protagonista Fabio (Cauâ Reymond) e a ambientação da época em lugares como Sampa, Rio, Estados unidos e Londres estão muito bons!! Babu Santana e Robson Nunes representaram mais do que nunca o Gênio que foi Tim Maia. Outra coisa bacana também, outras personalidades da música nacional aparecem no filme, e a surpresa quando elas vão aparecendo podem até ser polêmicas. Leve seus pais e abram o coração por uma das principais Figuras que o Brasil não terá nunca mais.  #AVANTE

NOTA: icon_pubjoe_clapicon_pubjoe_clapicon_pubjoe_clapicon_pubjoe_clapicon_pubjoe_clap

Direção: Mauro Lima
Elenco: Alinne Moraes, Babu Santana, Cauã Reymond, George Sauma, Laila Zaid, Luis Lobianco, Marco Sorriso, Robson Nunes, Tito Naville, Valdineia Soriano
Roteiro: Antônia Pellegrino, Mauro Lima
Produção: Rodrigo Teixeira, Rômulo Marinho Jr
Fotografia: Eduardo Miranda, Ulisses Malta Jr.
Trilha Sonora: Berna Ceppas
Gênero: Drama
País: Brasil
Duração: 140 min
Ano: 2014
Estúdio: Downtown Filmes / Paris Filmes
Classificação: 14 Anos

Não se esqueçam de comentarem, compartilharem e o que vocês quiserem! Até mais!

  • Renato M.P.

    Eu acho que as críticas de vocês deveriam ser um pouco mais construtivas de acordo com o tema abordado. Por exemplo: Eu e minha mãe assistimos Tim Maia, o que mais nos chamou a atenção foi a mudança, explícita, do passar do tempo. Como roupas e cenários. A caracterizacão e maquiagem também são impecáveis. E a atuação de cada um é diferente, uns são bons e outros ruins, é claro. Eu acho que uma critica é baseado nisso, não é? Em criticar.
    Eu vejo que tem uma mudança de cada renegado no seu estilo, isso é óbvio, mas eu vejo uma carência nesses aspectos que eu citei. Como um site eu não vejo ter um motivo se quer para se ter preocupação com o tamanho dos posts, ainda mais em uma resenha/crítica.

    Bom, isso é uma dica, e a minha visão sobre isso. #AvanteRenegados

    • Alessandro Bob

      Fala MP!! Blz!?!?

      Cara, Valeu pelas dicas.. mas se você acompanhar e você perceber também, cada renegado tem sua visão e ponto de vista sobre determinadas coisas. Assim como você teve seus pontos altos e baixos, eu tive os meus também, e assim a vida vai seguindo, rs. Nem sempre tem que ser falado algo negativo para ser crítico. Eu gosto, por exemplo, de relevar as coisas e ver o quanto realmente me agrada, e falo sem rodeios de uma forma que a mensagem seja totalmente direta, afinal, cinema na minha visão, tem q me tirar da minha realidade e me levar para uma determinada viagem, saca? Por exemplo, eu toco alguns instrumentos e no filme da pra perceber que ninguém toca nada de verdade, porém isso não deve ser levado em consideração pq não é um filme/show, e sim algo focado nas personalidades do personagem. E a minha intenção nas minhas críticas são do cara ler rápido e curtir o filme o quanto antes ou não, saca? Tem pessoas como a Robs ou Mike mesmo que gostam de desenvolver e criar textos gigantes, eu ja faço de uma outra forma.
      Valeu pelas dicas e espero que compreenda esse ponto de vista de cada um!

      Abraços e Avante!!

    • Alessandro Bob